Surpresa entre os padres da Missa do Encontro dos Espanhóis na JMJ por terem que distribuir a comunhão em tigelas de batatas fritas

01/08/2023

Segundo fontes próximas da organização do evento, esta iniciativa procurou transmitir uma mensagem de humildade e simplicidade, convidando os jovens a refletir sobre o valor dos elementos materiais na liturgia. No entanto, esta escolha não foi isenta de controvérsias, pois alguns consideraram que era uma falta de respeito para com os símbolos sagrados.

 Diante das críticas, os organizadores da JMJ esclareceram que esta decisão foi tomada por consenso e em pleno acordo com as autoridades eclesiásticas. Além disso, enfatizaram que a intenção era promover um diálogo aberto e uma reflexão profunda sobre a importância da fé e da espiritualidade na vida dos jovens.

Embora esta forma de distribuir a comunhão possa parecer incomum e surpreendente para muitos, a Igreja Católica permite alguma flexibilidade na escolha dos objetos litúrgicos, desde que sejam respeitados os princípios fundamentais da fé.

 Em suma, o uso de tigelas de batatas fritas na missa do encontro dos espanhóis na JMJ de Portugal tem gerado polêmica e debate entre os fiéis. Enquanto alguns veem isso como uma oportunidade para refletir sobre humildade e simplicidade, outros consideram isso uma falta de respeito pelos símbolos sagrados. Sem dúvida, este fato ficará como uma anedota na história da JMJ e continuará sendo tema de discussão nos próximos dias.

A Missa, que contou com a presença de mais de 30.000 peregrinos espanhóis, foi concelebrada por 64 bispos espanhóis e mais de 900 sacerdotes. (Fonte INFOVATICANA

Sua extraordinária vida comprova que a heroicidade na prática da virtude pode chegar a suprir a ciência humana. Isso explica o aparente paradoxo de sua biografia, mostrando como a alta sabedoria de um taumaturgo analfabeto o tornou conselheiro de Papas e Reis. Sua festa litúrgica é celebrada no dia 2 de abril.